O que podemos aprender em 2018 com três apps que estavam em alta em 2017

Janeiro 26, 2018

trending apps

2017 foi um excelente ano para a Shopify App Store: recebemos vários apps novinhos em folha, tanto de desenvolvedores já conhecidos como também de pessoas e empresas ainda novatas.

Em um mundo como o do e-commerce, no qual o ritmo de mudanças é altamente acelerado, muitos empreendedores procuram nos apps a ajuda que faltava para expandirem suas lojas. Por mais que a ideia de inventar algo do zero possa parecer assustadora, a verdade é que às vezes pode ser mais produtivo deixar as soluções já conhecidas para trás e criar uma nova maneira de lidar com um velho problema.

Se olharmos com atenção os apps que foram lançados em 2017, veremos que muitos desenvolvedores adotaram essa estratégia – e podemos até identificar algumas tendências para aprimoramentos e melhorias que os desenvolvedores mais conhecidos parecem estar seguindo.

Aqui estão as três maiores tendências para os apps de 2018. Esperamos que elas possam inspirar a sua própria jornada – ou até mesmo os seus próprios apps!

Template Icon

Veja todos os aplicativos para lojistas brasileiros!

Uma coleção de aplicativos de parceiros para facilitar a vida dos lojistas brasileiros da Shopify. Simplifique a emissão da nota fiscal eletrônica, faça a partilha do ICMS, calcule o frete dos Correios, ofereça parcelamento, etc.

Ver apps

Leitura recomendada:5 lojas da Shopify que aumentaram as vendas com um app 

1. Gamificação de descontos

Todos os lojistas do mundo já devem ter distribuído cupons ou códigos promocionais para fidelizar clientes e incentivar compras – e os empreendedores do e-commerce parecem adorar essa tática: ao longo de 2017, vimos apps que lidam de maneira totalmente nova com a criação e a disponibilização de códigos. Apps como o Wheelio, por exemplo, revolucionaram essa experiência – e trouxeram a gamificação para o mundo dos descontos.

Veja abaixo o pop-up do Wheelio tal como ele é exibido para os visitantes de uma loja. A abordagem do app é simples: em vez de distribuir os códigos promocionais da loja por meio dos canais mais utilizados, como e-mail e redes sociais, ele cria uma “roda da fortuna” cheia de descontos diferentes – alterando completamente o modo como o visitante interage com o pop-up e com a loja.

trending apps: wheelio

A alta popularidade do Wheelio ao longo do ano passado mostra como a gamificação é uma daquelas tendências que chegou para ficar; vale a pena acompanhar o seu desenvolvimento e tentar implementá-la na sua loja.

Uma dica para quem deseja lançar novos apps em 2018: o Wheelio pode ser totalmente inovador, mas é só um gostinho do que pode ser a experiência de gamificação para o e-commerce. Se você gostou dessa estratégia, que tal procurar maneiras de aprimorar o processo de vendas por meio da gamificação?

2. Apps para o gerenciamento de estoques

É normal que a procura por produtos que possam ser facilmente vendidos na internet aumente de maneira proporcional ao crescimento dos e-commerces. É por isso que a maioria dos apps que foram lançados ano passado têm como principal função oferecer aos lojistas uma seleta exclusiva de produtos (para não falar dos apps para quem trabalha com o modelo de dropshipping, que fazem a ponte entre o lojista e o AliExpress).


Você tem uma ideia de negócios?

Comece o seu teste grátis de 14 dias da Shopify hoje mesmo, sem precisar de cartão de crédito!


Apps como o Spocket, por exemplo, simplificam a vida de quem quer vender produtos da Etsy – e permite filtrar os produtos de acordo com o país de origem do fabricante. Esse último recurso é especialmente importante para lojistas com lojas temáticas ou que desejam comercializar produtos vindos de uma única região ou país.

Os apps My Online Fashion Store by CCFashion e Troupe também estão ficando conhecidos entre os lojistas e empreendedores do setor de moda. O app desenvolvido pela CCFashion, por exemplo, exibe itens exclusivos da marca, que são enviados para o lojista diretamente de Los Angeles. O Troupe, por sua vez, possui uma coleção enorme de produtos que podem ser totalmente personalizados por artistas e designers.

Veja abaixo uma captura de tela do Troupe, que mostra um artista personalizando o produto – que em pouco tempo será vendido na sua loja:

 trending apps: troupe

Uma dica para quem deseja lançar novos apps em 2018: O foco dos lojistas e empreendedores é encontrar novos produtos para venderem. Por isso, é importante que o seu app possa conectá-los a esses produtos – ou ajudá-los a criar um novo produto.

3. Novas maneiras de recuperar carrinhos abandonados

Não é de se espantar que a recuperação de carrinhos abandonados seja uma das principais preocupações de lojistas e empreendedores – afinal, o percentual médio de abandono atingiu a assustadora marca de 69%. Por mais que este não seja um problema recente e que apps voltados para essa situação já existam há bastante tempo, alguns apps descobriram novas maneiras de se lidar com esse antigo vilão das compras pela internet.

Nesse sentido, o app Countdown Cart desenvolvido pela Beeketing realmente é um dos grandes vencedores de 2017. Além de incluir uma contagem regressiva em todas as páginas de produto, o app também foi otimizado para clientes que fazem compras em dispositivos móveis. Ainda que mais da metade do tráfego de uma loja virtual venha dos dispositivos móveis, os computadores e notebooks ainda ganham a batalha quando se trata do número de compras realizadas. Sabe como mudar essa realidade? Criando um sentimento de urgência para os usuários de dispositivos móveis.

Além disso, apps como o Sales Pop também funcionam como aliados importantes para empreendedores e lojistas que estão determinados a seguir as grandes tendências do mercado, aproveitar as festas de final de ano ou simplesmente ter pop-ups esteticamente bonitos. Veja abaixo um exemplo das customizações que o app permite:

trending apps: sales pop

Outro app que experimentou alta popularidade ao longo de 2017 foi o ShopMessage – criado para recuperar carrinhos abandonados. A estratégia é simples: redirecionar mensagens e anúncios por meio do Facebook Messenger.

Uma dica para quem deseja lançar novos apps em 2018: Fique de olho nas tendências e nos números do mercado. Se, como no caso do abandono de carrinhos, os indicadores forem altos, é sinal de que muita gente está enfrentando o mesmo problema – e, para desenvolvedores de apps, isso significa uma enorme oportunidade de negócios.

Leitura recomendada: A inovação também é brasileira: a história do Atacado.com.

Está pronto para lançar um dos melhores apps de 2018?

Não se engane: as portas da Shopify App Store estão sempre abertas e prontas para receber novos apps e desenvolvedores. Um bom olho aos detalhes e às tendências do mercado são qualidades essenciais para pessoas que, assim como você, desejam construir um app de sucesso. Está pronto para começar?

Tem alguma solução inovadora para um problema antigo do mercado?Nós queremos ouvir o que você tem a dizer!


Which method is right for you?Sobre a autora

Gabriela Jungblut é editora-chefe do blog da Shopify em português, gestora de marketing de conteúdo para o mercado brasileiro, tradutora e intérprete de conferências.

Post original em inglês: Liz Couto

Tradução e localização: Marcela Lanius

Você tem dúvidas sobre a Shopify?

Escreva um e-mail para a nossa equipe de atendimento em português!

atendimento@shopify.com


Receba o Newsletter Empreendify